Desde o I Seminário Velhices LGBT, que ocorreu em novembro de 2017, a ONG Eternamente Sou refletia o que seria gerado para o próximo seminário, como seria a sua forma e quantas pessoas alcançaria dessa vez.

Definiu-se como temática: 2 SEMINÁRIO VELHICES LGBT- Expressões da Violência contra pessoas idosas, devido ao fato que em 15 de junho é a data  instituída na Campanha Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa – pela Organização das Nações Unidas em 2006 para sensibilizar e conscientizar sobre as diferentes facetas da violência que marginalizam e  oprimem pessoas idosas.

Então, no dia 28 de junho os eternos (forma pela qual os voluntários da Ong são chamados) reuniram suas forças para construir um seminário que impactasse todos que fossem neste dia na Câmara Municipal de São Paulo.

Você sabia que existem nove tipos de violência contra o idoso? Nove. Sendo elas:

  • Violência Física,
  • Institucional
  • Abandono
  • Negligência
  • Violência Financeira
  • Auto-Negligência
  • Medicamentosa
  • Psicológica
  • Sexual;

Os especialistas debateram sobre a maioria destas violências, onde tivemos advogados, assistentes sociais, psicólogos e militantes reunidos para  construir essa reflexão para mais de 500 pessoas que prestigiaram o evento.

O tempo foi curto para discutir anos de descaso com a população idosa, nesse dia o evento tomava a voz esquecida e silenciada dessa camada da sociedade. Os dados apresentados eram nítidos de o quanto precisamos incentivar projetos que deem assistência os idosos. Não apenas de dados científicos construímos esse dia marcante, tivemos relatos lindos de vida e experiências enriquecedoras. As apresentações culturais promoveram a leveza ao evento após discutirmos tanto sobre violência.

Parafraseando Tchaka Drag Queen “Bom dia, a classe está aberta”, esse dia foi uma verdadeira aula para todos e tenho certeza que muitos saíram com uma outra noção sobre o assunto e mobilizamos uma parcela da comunidade.

Precisamos muito de projetos grandiosos que abracem essa causa, entretanto, se queremos algo maior devemos começar por nós mesmos no dia a dia! Se você acredita que a violência contra o idoso é algo cruel, já parou para pensar como está o tratando nas situações cotidianas? A violência na maioria das vezes não é um ato declarado, é um ato silencioso onde ocupar o lugar dele no transporte público, reclamar que o “lugar dele não deveria ser ali”, não respeitar os direitos que ele possui é cometer sim uma violência. Reflita sobre isso hoje.

A Ong EternamenteSou conseguiu nesse dia mobilizar diversos setores da sociedade nesse dia e após todo o movimento que o evento produziu, nesse mesmo dia foi lançado o I Curso de Introdução às velhices LGBT gratuito para profissionais da rede socioassistencial, lideranças e militantes de movimentos sociais.

Ao final do evento os eternos perceberam que temos capacidade de impactar ainda mais a sociedade no próximo ano graças aos nossos parceiros! E como algo recorrente paramos para refletir: O que virá agora? O que geraremos para o 3 Seminário Velhices LGBT? Você pode nos ajudar enviando sugestões de temas nas nossas redes sociais! Juntos construiremos algo muito especial.

Categorias: 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *